Dicas e Novidades

A importância do filtro solar no nosso dia a dia.

10.07.2013   |    Enviar por email   |   

O filtro solar ou protetor solar, como o nome já diz, é um produto tópico que protege a pele da radiação ultravioleta A e B. Ele ajuda na redução das queimaduras solares e outros danos à pele.

Não reserve o uso dos filtros solares apenas para dias ensolarados de verão; mesmo em dias nublados, 80% dos raios ultravioleta ultrapassam as nuvens. A luz solar é refletida de forma muito intensa pela areia (17%). Assim, mesmo embaixo da barraca ou na sombra, o filtro deverá ser aplicado. Os filtros solares devem ser utilizados diariamente, e reaplicados, a depender da exposição solar.
Na hora da escolha do seu produto, preste atenção em algumas características importantes:

- Anti UVA e UVB: filtros que protegem contra os raios ultravioleta A e ultravioleta B.
- Hipoalergênico: utiliza substâncias que geralmente não provocam alergias.
- Livre de PABA ou \"PABA free\": filtros que não contêm PABA, substância de alto poder alergênico.
- Livre de óleo ou \"oil free\": filtros cujos veículos não contêm substâncias oleosas. São os mais indicados para pessoas de pele oleosa ou com tendência à formação de comedões (cravos) e acne (espinhas).
- Não comedogênico: filtros que não obstruem os poros, evitando assim a formação de comedões. São também indicados para pessoas de pele oleosa e com tendência à formação de comedões e acne.

FPS – FATOR DE PROTEÇÃO SOLAR

Quanto mais alto o valor do FPS; maior a proteção que o filtro solar oferece contra raios UVB (queimadura solar) e UVA (envelhecimento e câncer cutâneo).
Para nós, brasileiros, que vivemos em um país tropical, a proteção deve ser contínua, inclusive no inverno.

Peles mais claras necessitam de filtros com FPS mais altos (FPS 30 no mínimo).

Existem filtros com FPS variando entre 2 e 100; quanto maior o FPS, maiores são as chances de desenvolver uma sensibilização cutânea (alergia), devido ao aumento da concentração de substâncias químicas.
Uma medida de quanto tempo uma pessoa pode ficar exposta ao sol, sem se queimar é um indicativo que auxilia na escolha do produto, de acordo com o tipo de pele. Quanto mais clara a pele, menor será o tempo de exposição solar necessário para queimá-la. Por exemplo, uma pessoa que se queimaria depois de 10 minutos exposta ao sol, se protegida por um filtro solar FPS 30 (30 vezes mais proteção), estende o prazo para 300 minutos.

Importante consultar um médico para saber qual o protetor solar mais indicado para seu tipo de pele.

Dicas:
- Use um filtro solar com proteção UVA e UVB, com FPS 30, no mínimo.
A maioria dos produtos protege apenas contra os raios UVB. Algumas marcas oferecem também proteção contra os raios UVA, que penetram nas camadas mais internas da pele.
- O filtro solar deve ser aplicado, pelo menos 20 minutos antes da exposição solar.
- No dia-a-dia, aplique pela manhã e reaplique ao meio-dia.
- Na praia, lembre-se de proteger as outras áreas expostas, como orelhas, lábios, pescoço, braços, dorso das mãos e dos pés, além do couro cabeludo, principalmente se tiver pouco cabelo.
- Importante usar óculos escuros e chapéu com aba.
- Aplique o produto a cada 2 horas
- Permaneça na sombra, sempre que possível.
- Evite o sol das 10:00 às 16:00.
- Hidrate a pele após os banhos de sol e após exposição ao frio, evitando o seu ressecamento.

Comentários

Nilzete Carvalho(01/09/2013)

Dra. Neuma, parabéns pelo artigo bastante claro com excelentes dicas. Vou seguir à risca.

     

    Deixe seu comentário

     

    Home | A Clínica | Serviços | Bem Viver News | Imperdível | Fale Conosco
    Clínica Bem Viver: Avenida Tancredo Neves , 1632 - Ed. Salvador Trade Center, Torre Sul, sala 611 - Contato: (71) 3017-5700 / 9108-5112 / 9707-5700